SGL

Biblioteca

A Biblioteca da Sociedade de Geografia de Lisboa é actualmente reconhecida, nacional e internacionalmente, como sendo imprescindível para todos os investigadores que se dedicam não só ao estudo da História dos Descobrimentos e Expansão Portuguesa, mas também à Geografia, História e Etnografia da comunidade dos países de língua portuguesa. É, por isso utilizada anualmente por estudiosos de todo o mundo.

A Biblioteca surge quase simultaneamente com a criação da SGL. Como tal aparece logo nos n.ºs 2 e 3 da 1ª série do Boletim da Sociedade o catálogo dos mapas e livros que a constituem.

Em 4 de Julho de 1877, foi apresentada à Direcção uma proposta que resultou com êxito, para se obter a cedência do Arquivo da Associação Marítima Colonial. Em 1880 são transferidos para a SGL a biblioteca e as colecções da extinta Comissão Central Permanente de Geografia. Na mesma altura recebe também por aquisição em leilão, a Biblioteca do Marquês de Lavradio. O primeiro Presidente da SGL, o Visconde de S. Januário ofereceu igualmente a sua biblioteca.

O espólio bibliográfico, que tem vindo a ser constituído desde 1876, é composto por cerca de 66.000 títulos correspondente a cerca de 200.000 volumes, inúmeras revistas e cerca de 6 000 documentos manuscritos.

Entre as obras disponíveis, encontram-se muitas das que são consideradas referências obrigatórias nos domínios científicos referidos. Existem ainda outras, recentemente publicadas, cujas novas perspectivas de análise, ou mesmo novas temáticas, complementam as primeiras. Todas as últimas obras recebidas são expostas temporariamente numa vitrina, o que permite ao leitor tomar conhecimento das novidades editoriais.

Simultaneamente o leitor tem acesso a uma vastíssima colecção de publicações periódicas muitas em permuta com o Boletim da SGL Também a este nível a quantidade e variedade das publicações mais recentes não fica atrás das mais antigas. A sala de leitura possui uma ala onde se podem encontrar expostos os últimos números recebidos. Refira-se que o abrangente leque de títulos existentes é o resultado de relações de permuta editorial entre a SGL e instituições científicas de todo o Mundo.

O leitor poderá ainda consultar, mediante justificação fundamentada e autorização prévia, os documentos reservados (6 000 dos quais manuscritos). Grande parte destes documentos, de grande interesse e incalculável raridade, fazem parte de espólios pessoais ou institucionais, adquiridos ou oferecidos ao longo da existência da SGL.. Não cabe, neste contexto, enumerá-los exaustivamente. Mencionam-se apenas, a título de exemplo, a existência da célebre colecção Vidigueira, espólio Marques Pereira os diários de viagem de personalidades como Hermenegildo Capelo, Roberto Ivens, Silva Porto ou ainda Gago Coutinho, assim como uma invejável colecção de desenhos de George Chinnery sobre Macau.

A colecção Vidigueira foi adquirida ao seu proprietário, Conde da Vidigueira. A sua documentação situa-se entre 1332 e 1800 e contém o processo original de posse e entrega a Vasco da Gama das vilas de Vidigueira e de Frades. Pelo seu significado foi publicado no primeiro número do Boletim Internacional de Bibliografia Luso-Brasileira (1960) o seu inventário.

Não menos importante, o espólio cartográfico da SGL oferece ao utilizador uma riquíssima variedade de espécies: mapas [1, 2] plantas [12] e atlas [1, 2, 3], portugueses e estrangeiros e de todos os períodos. Ilustrativo do valor da colecção cartográfica é o facto de não raras vezes ser solicitado o empréstimo de alguns dos seus documentos para figurarem em exposições ou ainda para ilustrarem teses universitárias ou publicações de carácter científico. Existe também um CD-ROM com diversas cartas da colecção da SGL.
A consulta de todos os documentos mencionados é facultada aos sócios da SGL, e também a investigadores e estudantes universitários que o desejem. Estas consultas realizam-se na sala de leitura, não havendo empréstimo domiciliário.

Embora a Biblioteca ainda não esteja totalmente informatizada, o que se pretende realizar em breve, (estão actualmente informatizados 32000 registos, referentes à bibliografia entrada a partir de 2001) a sua consulta é facilitada pela existência de um ficheiro bastante completo, assim como pelo acompanhamento personalizado, sempre que solicitado.

A SGL tem um serviço de reprodução de documentos – fotocópia , fotografia em papel e transparências – que serve os pedidos dos utentes. A utilização dos materiais solicitados é sujeita a certas regras e custos. Os Sócios da SGL beneficiam de desconto na execução dos seus pedidos.

Novembro 2017
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930EC
Newsletter